Local

Açores: Governo Regional inicia hoje uma visita estatutária às Flores e ao Corvo

O Parque Natural das Flores, nos Açores, onde se encontram as maiores e mais bem conservadas turfeiras arborizadas do Atlântico Norte, vai ter um guia para facilitar a visita à natureza virgem e selvagem que o caracterizam.

Açores: Governo Regional inicia hoje uma visita estatutária às Flores e ao Corvo

O Guia do Parque Natural das Flores será lançado durante a visita estatutária que o Governo dos Açores realiza quarta e quinta-feira a esta ilha do Grupo Ocidental e prossegue depois na vizinha ilha do Corvo.

O Parque Natural das Flores, que se estende por cerca de um terço do território da ilha, inclui um conjunto de valores únicos e de beleza invulgar, constituindo um património ambiental que levou a UNESCO a classificar a ilha das Flores como Reserva da Biosfera.

A inauguração do Centro de Processamento de Resíduos das Flores, que terá como consequência a selagem de lixeiras na ilha, é outro ponto importante desta visita do executivo, que também vai visitar as obras de prolongamento do Cais Comercial do Porto das Lajes.

No Corvo, onde a comitiva governamental chega ao final da tarde de quinta-feira, merece referência a visita às obras de construção da Torre de Controlo do Aeródromo e a assinatura do contrato para a requalificação e cobertura do espaço polidesportivo da mais pequena ilha dos Açores.

Ainda nesta ilha, será apresentado o projeto do Edifício Multisserviços, um investimento de 200 mil euros que vai substituir a atual Loja RIAC (Rede Integrada de Apoio ao Cidadão), que registou mais de 2.800 atendimentos no ano passado, numa média de 11 por dia.

Durante a visita estatutária às duas ilhas, a última que este executivo regional realiza já que haverá eleições em outubro, os vários membros do governo manterão contactos com instituições e organismos das respetivas áreas.

Como habitualmente acontece nestas visitas, o Governo Regional terá reuniões com os Conselhos de Ilha, onde serão analisadas as questões que mais preocupam as populações das Flores e do Corvo, estando também prevista a realização de reuniões do Conselho de Governo em cada uma das ilhas visitadas.

Habitualmente, o executivo regional aproveita esta oportunidade para tomar decisões de especial interesse para a população das ilhas onde se reúne.

(FR/Lusa)