Local

Açores: Petição contra financiamento público à tauromaquia tem mais de 700 subscrições

Uma petição em defesa da proibição de financiamento público à tauromaquia nos Açores, lançada no final da semana passada na Internet, já conseguiu mais de 700 subscritores, anunciaram hoje os promotores da iniciativa.

Açores: Petição contra financiamento público à tauromaquia tem mais de 700 subscrições

Cassilda Pascoal, porta-voz dos promotores desta petição, disse à Lusa que se pretende que o assunto seja tratado no parlamento regional e culmine com a aprovação de legislação que proíba a concessão de qualquer tipo de apoio "financeiro ou logístico" à tauromaquia.

A petição tem como destinatários a Assembleia Legislativa dos Açores e o Governo Regional, surgindo na sequência de outras ações de protesto contra a atribuição de subsídios públicos ao Fórum Mundial que decorreu em janeiro na ilha Terceira.

"Os milhões entregues à tauromaquia deveriam antes ser investidos na melhoria das condições de vida da população", sustenta o texto da iniciativa, sublinhando que, além de estarem em causa "questões éticas de defesa animal, científicas e ecológicas", devem ser consideradas as dificuldades económicas vividas no arquipélago.

Os signatários defendem que a Região "invista acima de tudo, e antes de mais, nas necessidades básicas dos açorianos", procurando garantir "o bom uso do dinheiro público e o seu bom nome".

(API/Lusa)