Local

Tintureira em perigo nos mares dos Açores

As capturas de tintureiras, uma espécie de tubarão "quase ameaçada", atingiram 170 toneladas nos primeiros meses deste ano no mar dos Açores, revelou à Lusa o biólogo marinho Ricardo Cordeiro, da Universidade dos Açores.

Tintureira em perigo nos mares dos Açores

"Os números oficiais dão conta que, nos primeiros meses deste ano, a frota regional já capturou 170 toneladas de tintureiras, apesar desta espécie ter um preço médio em lota que ronda os 40 cêntimos", afirmou o investigador à margem de um debate realizado sábado à noite em Ponta Delgada pelos promotores da petição para a Proteção dos Tubarões na Zona Económica Exclusiva (ZEE) dos Açores, em conjunto com a Plataforma de Cidadania.

Ricardo Cordeiro salientou que a União Internacional para a Conservação da Natureza, organismo que avalia o estado de conservação das espécies, considera a tintureira "uma espécie quase ameaçada".

"A realidade exige que tomemos medidas preventivas para proteger esta espécie antes que ela fique efetivamente ameaçada", frisou, acrescentando que "a solução passa por reduzir ou, pelo menos, limitar a captura de tubarões nos Açores".

O biólogo marinho salientou que "as tintureiras valem mais vivas do que mortas", recordando que o mergulho com tubarões tem vindo a aumentar nos últimos anos enquanto oferta turística nos Açores.

Para este investigador, é necessário realizar estudos para avaliar o real estado desta espécie, já que existem poucos dados e os estudos realizados até agora pela Universidade dos Açores circunscrevem-se à biologia da espécie.

"É difícil avaliar o real impacto se as tintureiras fossem extintas, mas, em última análise, era o rendimento dos pescadores e o setor que seriam penalizados", afirmou Ricardo Cordeiro, acrescentando que se trata de um "predador de topo, que tem a responsabilidade de manter o equilíbrio do ecossistema marinho".

A petição pela proteção dos tubarões no mar dos Açores, que conta com mais de 1.500 assinaturas, já foi entregue na Assembleia Legislativa Regional.

Fonte:lusa