Chiado reconstruído é uma das zonas mais caras de Lisboa

| Cultura
Chiado reconstruído é uma das zonas mais caras de Lisboa

A ver: Chiado reconstruído é uma das zonas mais caras de Lisboa

O incêndio do Chiado começou nos Armazéns Grandella e acabou por devorar mais 17 edifícios. Alguns deles eram dos espaços comerciais mais emblemáticos da cidade de Lisboa. Desapareceu parte da memória da capital do país. O Chiado ainda não recuperou totalmente da tragédia mas já tem uma cara nova. Esta é agora uma das zonas mais caras mais movimentadas e continua a ser uma das mais bonitas da cidade de Lisboa.

A informação mais vista

+ Em Foco

Houve aldeias ceifadas e vidas destruídas. O medo viveu ao lado de histórias de heroísmo. Contamos as estórias que agora preenchem dezenas de aldeias esquecidas, muitas pintadas a cinza.

    Jorge Paiva, botânico e professor, um dos maiores peritos da floresta, critica em entrevista à Antena 1 o desinteresse generalizado dos políticos pelos problemas da floresta.

    É uma tragédia sem precedentes que vai marcar para sempre o país. O incêndio de Pedrógão Grande fez 64 mortos mais de duas centenas de feridos. Há dezenas de deslocados.

    Nodeirinho é a aldeia mártir do incêndio de Pedrógão Grande. É uma aldeia em ruínas, repleta de casas queimadas e telhados no chão. Um cenário de desolação e dor.