Empresas de distribuição contra taxa sobre equipamentos de gravação

| Tecnologia
Empresas de distribuição contra taxa sobre equipamentos de gravação

Foto: Frank Rumpenhorst/EPA

As empresas de distribuição estão contra a nova taxa que o Governo pretende implementar sobre todos os equipamentos que permitam gravar ficheiros, nomeadamente telemóveis e tablets. O objetivo é pagar desta forma direitos de autor. A medida deve ser discutida esta quinta-feira em Conselho de Ministros.

A Associação Portuguesa de Empresas de Distribuição considera que se trata da criação de mais um imposto e defende que desta maneira todos os consumidores são classificados como piratas.

A Associação para a Gestão da Cópia Privada contrapõe que esta é uma posição demagógica e lembra que a taxa existe noutros países sem provocar quebras no consumo.

(com Luís Soares)


Relacionados:

A informação mais vista

+ Em Foco

Foram mais de três horas de debate a cinco mas sem grandes novidades. Le Pen defendeu o fim da imigração. Macron foi atacado pelas ligações à banca.

Onde reside "o verdadeiro problema estrutural" da UE? O comentador da RTP Filipe Vasconcelos Romão situa-o na "incapacidade" do projeto europeu para estabeler laços com os cidadãos.

Estarão os nossos equipamentos comprometidos? O especialista em cibersegurança Pedro Queirós alerta para um problema "assustador".

    Em São Bento, uma fotografia denuncia a localização da Fundação Mário Soares, uma instituição de utilidade pública, cujo futuro está ainda a ser pensado.