Exportações do setor do mobiliário crescem 8% no primeiro semestre

| Economia

As exportações do setor do mobiliário e colchoaria aumentaram 8% durante o primeiro semestre deste ano, em termos homólogos face a 2012, e fixaram-se em 599 milhões de euros, revelou hoje a associação setorial.

De acordo com a Associação Portuguesa das Indústrias de Mobiliário e Afins (APIMA), os resultados dos primeiros seis meses de 2013, que incluíram vendas para 128 países, mostram um aumento de 12% se comparados com o comportamento das exportações em 2011.

França continua a ser o principal mercado, registando um aumento de 3% de vendas face a 2012 para 176 milhões de euros, seguindo-se Espanha com 152 milhões de euros, o que equivale a um decréscimo de vendas de 4%.

Angola também se fica pela terceira posição em termos de exportações do setor do mobiliário português, com 66 milhões de euros, uma subida de 9% face ao primeiro semestre de 2012.

Os dois maiores aumentos em vendas para o estrangeiro verificaram-se nos EUA, que dispararam 132% para 16,7 milhões de euros, e a Alemanha, que cresceu 36,9% para os 54 milhões de euros.

No que toca às importações, caíram 16% durante os primeiros seis meses do ano, sendo que "o saldo da balança comercial setorial continua superavitário, registando a importância de 348 milhões de euros, um crescimento homólogo de 37%".

Tópicos:

Indústrias Mobiliário,

A informação mais vista

+ Em Foco

Em 9 de abril de 1918, a ofensiva alemã varre a resistência portuguesa. O dossier que se segue lança um olhar sobre o antes, o durante e o depois.

    Quase seis décadas depois, a Presidência de Cuba deixou de estar nas mãos de um membro do clã Castro.

    Porto Santo tem em curso um projeto para se transformar na primeira ilha do planeta livre de combustíveis fósseis.

    Uma caricatura do mundo em que vivemos.