Miguel Relvas considera interessante modelo apresentado por António Borges para a RTP

| Média
Miguel Relvas considera interessante modelo apresentado por António Borges para a RTP

O gabinete de Miguel Relvas já reagiu às declarações de António Borges sobre o futuro da RTP, considerando interessante a hipótese de concessionar a RTP a investidores privados e de encerrar a RTP2.

Contactada esta manhã pela Antena1, fonte do gabinete do ministro que tem em mãos o dossiê da RTP referiu que o futuro do serviço público de rádio e televisão ainda está a ser estudado, mas sublinhou que qualquer solução que signifique poupança para os cofres do estado é boa.

A Antena1 sabe que o governo considera um mero formalismo o facto de ter sido António Borges a apresentar as ideias para o serviço publico, já que o importante é o conteúdo.

Em entrevista à TVI na noite passada, o economista e consultor do governo para as privatizações António Borges afirmou que a possibilidade de concessionar a RTP1 a investidores privados é um cenário “muito atraente”, embora tenha garantido que nada está ainda decidido sobre o futuro da empresa.

(com Sandra Henriques)

A informação mais vista

+ Em Foco

Passaram sete anos desde o início das “Primaveras Árabes”. Regimes mudaram, guerras civis rebentaram, houve conflitos que alteraram dinâmicas regionais e vazios de poder que deram origem a Estados falhados.

Veja ou reveja a primeira entrevista de Rui Rio depois de ter sido eleito presidente do PSD.

Na hora da despedida da liderança social-democrata, as juventudes partidárias olham para o legado do ex-primeiro-ministro, com uma pergunta em mente: se Portugal não falhou, o que dizer de Pedro Passos Coelho?

    Uma caricatura do mundo em que vivemos.