Pingo Doce avança com nova campanha no 1.º de Maio

| Economia

|

Os supermercados Pingo Doce vão lançar uma nova campanha de descontos no 1.º de Maio, revela a edição online do Diário Económico. Segundo o jornal, a empresa "já anunciou às chefias a nova acção de descontos e recrutou um número de funcionários maior do que o normal para trabalhar amanhã".

No ano passado, os supermercados Pingo Doce lançaram uma campanha no dia 1 de Maio, que consistia em descontos de 50 por cento em compras a partir de 100 euros.  A campanha suscitou enorme polémica e foi mesmo alvo de uma multa da Autoridade da Concorrência no valor de 29.900 euros.

Já em março deste ano, o Tribunal de Concorrência, Regulação e Supervisão condenou o Pingo Doce pelas promoções do 1.º de Maio de 2012, mas reduziu o número de infrações e o valor da multa para 12 mil euros, menos de metade do que tinha sido estabelecido pela Autoridade da Concorrência.

Segundo um comunicado emitido em 25 de julho do ano passado pelo grupo Jerónimo Martins, a campanha do 1.º de Maio do Pingo Doce custou à empresa 10 milhões de euros. Em comunicado, o grupo esclareceu ter tido "itens não recorrentes" no valor de 14 milhões de euros, que incluem 10 milhões de euros "relativos aos custos one-off [uma só vez] incorridos pelo Pingo Doce, no primeiro dia do mês de maio, com o objetivo de reforçar a sua marca e posição competitiva no mercado".

Mas os efeitos de notoriedade foram considerados muito importantes pela empresa: "Este investimento levou a um aumento significativo de notoriedade da marca e, em conjunto com as campanhas promocionais em implementação, espera-se que leve as vendas a crescer acima do mercado", referiu na altura a Jerónimo Martins.

No ano passado, a ministra do Ambiente, Assunção Cristas, considerou inadmissível que uma promoção como a realizada pelo Pingo Doce no Dia do Trabalhador não tivesse sido combinada com os fornecedores de produtos onde se encontram os produtores agrícolas.

Depois de confirmada pela ASAE a prática de dumping na promoção do Pingo Doce, o Governo anunciou na altura estar a preparar legislação para evitar situações semelhantes e abusos de promoções. O executivo pretendia colocar na lei mecanismos que evitassem situações de abuso e prometia ouvir todos os parceiros na preparação de nova legislação para evitar abusos dos hipermercados. 

A informação mais vista

+ Em Foco

Neste Manual do Brexit, explicamos em 12 pontos o que está em causa e os cenários que se colocam. A votação do acordo em Londres acontece esta terça-feira.

    Rosa Luxemburgo, "uma das melhores cabeças do socialismo internacional", foi assassinada há 100 anos.

      Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

        Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.