Reitor da Universidade de Aveiro fala em "cortes cegos"

| Economia
Reitor da Universidade de Aveiro fala em cortes cegos

A ver: Reitor da Universidade de Aveiro fala em "cortes cegos"

O Reitor da Universidade de Aveiro diz que a situação financeira da instituição pode ficar insustentável com os cortes previstos no próximo Orçamento. Manuel Assunção sublinha que nos últimos três anos houve uma redução de 40 por cento na despesa. Aí cabe uma diminuição de 2,5 por cento na massa salarial, mas também a não renovação de contratos e uma quebra muito acentuada na verba disponível para manutenção e segurança do campus universitário.

O Reitor teme uma quebra no prestigio internacional da Universidade de Aveiro o que irá comprometer a realização de receita própria.

A informação mais vista

+ Em Foco

O Conselho Europeu informal de Salzburgo tem em cima da mesa dossiers sensíveis, com a imigração e o Brexit no topo da agenda. A RTP preparou um conjunto de reportagens especiais sobre esta cimeira.

    Nas eleições primárias, alguns dos mais conceituados senadores democratas foram vencidos por candidatos mais jovens, progressistas e, alguns deles, socialistas.

      Em 1995, dois estudantes desenvolveram um motor de pesquisa. Dois anos depois, Andy Bechtolsheim passou um cheque no valor de 100 mil dólares. Nesse dia, fez-se história: a Google nasceu.

        Os novos desenvolvimentos no diferendo comercial entre os Estados Unidos e a China vieram lançar ainda mais dúvidas sobre os próximos passos que os dois lados poderão adotar.