Tribunal confirma multa de 150 mil euros aplicada à Peugeot Portugal por informações falsas

| Economia

O Tribunal de Concorrência, Regulação e Supervisão (TCRS) deu razão à Autoridade da Concorrência e manteve o valor da multa de 150 mil euros aplicada à Peugeot Portugal Automóveis, S.A. por "prestação de informações falsas, inexatas ou incompletas".

Segundo um comunicado da Autoridade da Concorrência hoje divulgado, o tribunal considerou, em sentença datada de 14 de outubro, que condutas como a levada a cabo pela Peugeot "põem clamorosamente em causa a atividade sancionatória e investigatória da autoridade" e "colocam em crise a regulação do mercado".

A Peugeot Portugal Automóveis, S. A. tinha recorrido da condenação da AdC em junho de 2015, tendo sido esta a primeira vez em que o regulador do mercado aplicou uma coima por prestação de informações falsas, inexatas ou incompletas.

Tópicos:

Peugeot Automóveis S,

A informação mais vista

+ Em Foco

Entrevistado no 360, da RTP3, o ministro das Finanças quis sublinhar que o seu cargo governativo não é exclusivo e pode ser compatível com a presidência do Eurogrupo.

Há muitas perguntas no caminho e muitas respostas que só o caminho pode dar. Pela Última Vez - Histórias sobre o fim que não acaba é o título de uma grande reportagem de Isabel Meira para a rádio pública.

Um atentado suicida em Manchester provocou 22 mortos e dezenas de feridos. A explosão decorreu no final de um concerto da digressão de Ariana Grande Dangerous Woman Tour.

    Um dos mais famosos discos dos Beatles faz agora 50 anos. O histórico álbum "Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band" regressou às lojas com várias edições especiais.