"A polícia não nos faz mal", desabafo de Arménio Carlos para estivadores

O secretário geral da CGTP diz que, apesar do Orçamento já ter sido aprovado na generalidade, isso não e motivo para abrandar a luta.

No discurso feito há momentos, em frente à Assembleia da República, Arménio Carlos fez um apelo à luta.

Em tom algo indignado, o coordenador da CGTP mostrou aos presentes qual o motivo da luta.

  • .Corrigir
  • .Leia-me
  • .Imprimir
  • .Enviar
  • .Partilhar
  • .Aumentar
  • .Diminuir