Imagem: www.camilocastelobranco.org

Casa de Camilo Castelo Branco junta sons da Emissora Nacional a personagens de papel

Neste Dia Internacional dos Museus estreou uma peça de teatro radiofónico baseada na obra “Amor de perdição”, de Camilo Castelo Branco.

A Casa de Camilo recuperou os sons de arquivo da Emissora Nacional para dar vida a figuras de papel. A iniciativa decorreu esta manhã na casa-museu de Famalicão, onde estiveram também alunos do ensino secundário.

O diretor da Casa de Camilo, José Manuel Oliveira, explica à Antena 1 que se lembrou de aproveitar o registo sonoro de 1953 a partir das memórias que tem dos tempos em que ouvia rádio em casa da avó.

(com Sandra Henriques)

  • .Corrigir
  • .Leia-me
  • .Imprimir
  • .Enviar
  • .Partilhar
  • .Aumentar
  • .Diminuir