A reta final das eleições em Espanha

| Mundo
A reta final das eleições em Espanha

Foto: reuters

A Antena 1 antecipa as eleições gerais em Espanha e analisa os possíveis cenários com os enviados especiais a Espanha e com o especialista Bernardo Pires de Lima.

Há quem prespetive um novo ciclo com o fim do bipartidarismo. O Partido Popular, de Mariano Rajoy, lidera as sondagens, o PSOE com Pedro Sanchez na liderança (Partido Socialista) segue em segundo lugar, mas nenhuma das forças políticas parece ter condições para garantir a maioria, enquanto os novos partidos ganham força entre o eleitorado, como é o caso do PODEMOS e do CIDADANOS.

Perspetiva-se assim um cenário de coligação na formação de um novo governo, mas Rajoy já fez saber que não quer "uma solução à portuguesa", ou seja, só avança para o executivo se vencer as eleições.

A Antena 1 antecipa as eleições legislativas espanholas marcadas para o próximo domingo e analisa os possíveis cenários com os enviados especiais a Espanha, Mário Rui Cardoso e Pedro Sá Guerra, e ainda com o especialista em assuntos internacionais, Bernardo Pires de Lima.

(Com Marcos Celso)

Relacionados:

A informação mais vista

+ Em Foco

Raptos e assassínios de opositores em países estrangeiros, levados a cabo pelos serviços secretos, têm um longo historial.

Logo após a recuperação das armas roubadas, o ex-chefe do Estado-Maior do Exército proibiu a PJ de entrar na base de Santa Margarida.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em novos conteúdos de serviço público que podem ser seguidos na página RTP Europa.

      Um terramoto de magnitude 7,5 e um tsunami varreram a ilha de Celebes, causando a morte de pelo menos duas mil pessoas. A dimensão da catástrofe é detalhada nesta infografia.