Gases de efeito de estufa atingem recordes em 2012

| Ambiente

|

Os três principais gases com efeito de estufa atingiram novos recordes de concentração em 2012, anunciou esta quarta-feira a Organização Meteorológica Mundial, em Genebra. As mais recentes análises revelam "que o dióxido de carbono, o metano e o óxido nitroso atingiram novos picos em 2012", escreve a OMM no seu boletim sobre os gases de efeito de estufa. E explica que a capacidade da atmosfera reter a energia do Sol ao nível da Terra, e portanto induzir o aquecimento global, aumentou 32 por cento entre 1990 e 2012.

Segundo Michel Jarraud, secretário-geral da OMM, se o mundo continua neste caminho, "a temperatura média do globo no final do século poderá ultrapassar os 4,6 graus centígrados em relação ao que era antes da era industrial, em 1750, e até mais em algumas regiões, onde as consequências poderão ser catastróficas".

O dióxido de carbono é o principal gás responsável pelo aquecimento global e a sua concentração em 2012 aumentou em 2,2 ppm (partes por milhão), o que compara com um aumento de 2,0 ppm em 2011. A subida média dos últimos dez anos foi de 2,02 ppm, pelo que os números de 2012 mostram uma "aceleração da tendência".

A informação mais vista

+ Em Foco

Em entrevista à Antena 1, o presidente do PS elogia a chamada "geringonça", mas coloca reservas quanto à hipótese de ter BE e PCP num futuro executivo socialista.

    As famílias já pediram o repatriamento, mas o MNE diz que ainda não tem uma solução.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

      Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.