Ondas gigantes, neve, chuva e ventos fortes atingem vários pontos da Europa

| Mundo
Ondas gigantes, neve, chuva e ventos fortes atingem vários pontos da Europa

A ver: Ondas gigantes, neve, chuva e ventos fortes atingem vários pontos da Europa

Nas Astúrias, a forte ondulação do mar atraiu a curiosidade de dezenas de pessoas e provocou um enorme susto. Menos sorte teve um rapaz de 15 anos, que foi arrastado por uma onda na Galiza. No total, 26 províncias espanholas estão em estado de alerta.

Na Eslovénia, muitos postes de electricidade não resistiram ao intenso nevão. Uma em cada quatro casas não tem luz nem água. Muitas estradas estão bloqueadas e metade das escolas fecharam. Na Áustria, em apenas dois dias nevou o que é habitual nevar num mês. Ficaram sem electricidade 10 mil casas. A neve e o gelo estão também a afectar a Sérvia, Croácia, Polónia e Alemanha. No Reino Unido, a chuva não pára de caír há vários dias. As regiões do Sul são as mais atingidas. Em Itália, a chuva intensa provocou inundações, em especial na região da Sicília. Três pessoas morreram. Roma também não escapou ao temporal. A manterem-se as previsões para os próximos dias muitos rios correm o risco de transbordar.

A informação mais vista

+ Em Foco

A 17 de junho, Portugal começou a assistir ao mais mortífero incêndio de sempre. A paisagem de Pedrógão Grande mantém-se em tons de sépia. Um cenário captado pelo fotojornalista Pedro A. Pina.

    Hotéis de luxo e restaurantes de autor crescem ao lado de quem vive sem água ou luz. A Comporta tem um novo proprietário que quer transformar aquela zona num local para estrangeiros ricos.

    O Parque das Nações vai receber as duas semifinais e a final nos dias 8, 10 e 12 de maio do próximo ano. Já o festival português vai decorrer em Guimarães.

    Natalidade, envelhecimento, turismo, agricultura, emigração, pobreza, saúde, desigualdades. A caminho das autárquicas a Antena 1 fixa o país em 20 retratos.