Pelo menos 21 mortos em dois naufrágios ao largo de ilhas gregas

| Mundo

Pelo menos 21 pessoas morreram em dois novos naufrágios junto à costa das ilhas gregas de Kalymnos e Rodas, no mar Egeu, desconhecendo-se o número de desaparecidos.

Esta madrugada um barco de madeira, em que viajavam mais de 100 pessoas, afundou-se ao largo das ilhas de Kalymnos e Kalolimnos, enquanto outra embarcação se encontrava à deriva no norte de Rodas.

As operações de salvamento, em que foram resgatadas pelo menos 144 pessoas, têm vindo a ser dificultadas pelos fortes ventos.

Quatro barcos da guarda costeira grega, um navio da Frontex e um helicóptero Puma participam nas operações no mar Egeu.

Tópicos:

Kalymnos Rodas,

A informação mais vista

+ Em Foco

O antigo procurador-geral da República do Brasil revelou à RTP que já recebeu várias ameaças de morte e defendeu uma reforma profunda do sistema político brasileiro.

Quando Ana Paula Vitorino indicou Lídia Sequeira, a economista ainda era gerente da sua empresa, o que viola a lei em matéria de incompatibilidades e o dever de imparcialidade.

Em seis anos, as investigações sucederam-se, sem poupar ninguém, da política ao futebol e à banca, seguindo a bandeira da ainda procuradora geral, o combate à corrupção.

    O Conselho Europeu informal de Salzburgo tem em cima da mesa dossiers sensíveis, com a imigração e o Brexit no topo da agenda. A RTP preparou um conjunto de reportagens especiais sobre esta cimeira.