Tensão político-militar na Crimeia deixa Rússia e Ucrânia à beira da guerra

| Mundo
Tensão político-militar na Crimeia deixa Rússia e Ucrânia à beira da guerra

A ver: Tensão político-militar na Crimeia deixa Rússia e Ucrânia à beira da guerra

Foto: Baz Ratner, Reuters

Depois de a câmara alta do Parlamento de Moscovo ter autorizado o reforço do contingente militar russo da Crimeia, as autoridades interinas de Kiev decidiram colocar as Forças Armadas ucranianas em alerta de combate. O novo poder político da Ucrânia avisa mesmo que qualquer intervenção armada da Rússia na península autónoma levará a uma guerra entre os dois países. Perante este quadro, sucedem-se os apelos internacionais para que o Kremlin respeite a soberania do país vizinho.

Relacionados:

A informação mais vista

+ Em Foco

A União Europeia está ameaçada e tem de voltar à sua génese para se fortalecer e recuperar influência na cena mundial. Ou arrisca-se a perder o comboio do desenvolvimento e a desmembrar-se em pouco tempo.

    Num contexto de retorno do medo ao Reino Unido, a diplomata britânica Kirsty Hayes aponta a importância de todos os habitantes de Londres estarem unidos.

    Foram mais de três horas de debate a cinco mas sem grandes novidades. Le Pen defendeu o fim da imigração. Macron foi atacado pelas ligações à banca.

    Estarão os nossos equipamentos comprometidos? O especialista em cibersegurança Pedro Queirós alerta para um problema "assustador".