Ciclista Bruno Pires assina pela equipa suíça Roth-Skoda

| Outras Modalidades

Bruno Pires assinou contrato por dois anos com a equipa suíça Roth-Skoda, do terceiro escalão mundial, informou o ciclista português que correu na Tinkoff-Saxo nas últimas quatro temporadas.

"Chegou o momento de anunciar que nos próximos dois anos farei parte do novo projeto Roth-Skoda, que solicitou a licença profissional continental para 2016. Trata-se de um projeto que tem o objetivo de ir crescendo no ciclismo internacional e ajudar a criar e desenvolver os jovens talentos suíços", escreveu na sua página do Facebook.

Bruno Pires estava sem contrato, depois de a Tinkoff-Saxo ter optado por não renovar o vínculo laboral com o corredor português, que representava a formação russa desde 2012.

Profissional desde 2002, o ciclista de 34 anos esteve oito épocas em Portugal, com passagens nas filiais da Maia e na Barbot-Siper, antes de assinar pela Leopard Trek em 2011.

A informação mais vista

+ Em Foco

O novo líder do PSD promete dialogar com todos os partidos nesta legislatura, mas tem consciência de que dois anos é pouco tempo para apresentar todas as propostas que defende.

Abrir uma torneira e vê-la jorrar água. É um ato tão comum que nunca imaginamos um dia em que tal quadro possa desaparecer. Algo que está prestes a tornar-se realidade na África do Sul.

    Foram sinalizados casos de mutilação genital numa escola da Baixa da Banheira. Uma associação trabalha com turmas. Ainda há rapazes que defendem a "submissão" como "saudável".

      Uma caricatura do mundo em que vivemos.