E vão seis no mundial de maratona de canoagem

| Outras Modalidades

Fernando Pimenta
|

A Federação Internacional de Canoagem analisou um protesto e decidiu que o olímpico Fernando Pimenta ficava com a medalha de bronze em K1 sénior nos mundiais de maratonas de Roma, juntando-se à prata de sexta-feira em sub-23.

 "Fez-se justiça. Eu e restantes adversários fizemos uma prova limpa. Foi pena os sul-africanos não terem feito o mesmo, o que só dava mais espetáculo à prova", disse, comentando a desqualificação do campeão do Mundo 2011 McGregor e seu compatriota Jenkins, que abusaram de atitudes antidesportivas.  
 
    Fernando Pimenta acaba a época com sentido do "dever cumprido": "Depois da prata de sexta-feira (K1 sub-23), que me deixou dececionado, este bronze é a cereja em cima do bolo".  
 
    "Em cinco provas internacionais (em 2012), cinco medalhas. Duas nestes mundiais, uma nos Jogos Olímpicos, outra em Taça do Mundo e mais uma na prova europeia de apuramento olímpico", congratulou-se.  
 
    Fernando Pimenta vai agora descansar "de uma época em cheio, mas longa e desgastante, com treinos sempre muito duros".  
 
    O bronze conquistado por Fernando Pimenta significa a sexta medalha de Portugal nos mundiais, quatro de prata e duas de bronze.  
 
      

A informação mais vista

+ Em Foco

Foi considerado o “pior dia do ano” em termos de fogos florestais, com a Proteção Civil a registar 443 ocorrências. Morreram 45 pessoas. Perto de 70 ficaram feridas. Passou um mês desde o 15 de outubro.

    Todos os anos as praias portuguesas são utilizadas por milhões de pessoas de diferentes nacionalidades e a relação ambiental com estes espaços não é a mais correta.

      Doze meses depois da eleição presidencial de 8 de novembro de 2016, com Donald Trump ao leme da Casa Branca, os Estados Unidos mudaram. E o mundo afigura-se agora mais perigoso.

        Uma caricatura do mundo em que vivemos.