Grande Prémio da Europa de Fórmula 1 adiado para não coincidir com Le Mans

| Outras Modalidades

O Grande Prémio da Europa de Fórmula 1 de 2017 em Baku foi adiado uma semana, para 25 de junho, para não coincidir com a prova de resistência francesa 24 Horas de Le Mans, foi esta quarta-feira anunciado.

A Federação Internacional do Automóvel (FIA) revelou a medida depois de uma reunião em Viena, na qual ficou definido o calendário final para a temporada de 2017.

Além da prova de Baku, também as duas corridas de julho, Áustria e Grã-Bretanha, foram adiadas em uma semana, para 09 e 16 de julho, respetivamente.

Em sentido inverso, o Grande Prémio do México foi antecipado em uma semana, para 29 de outubro, para que aconteça mais próximo da data de realização da prova dos Estados Unidos, disputada em Austin, no estado do Texas, para aproveitar "a proximidade geográfica".

Por confirmar continua a realização do Grande Prémio do Brasil, uma vez que o promotor do circuito de Interlagos, São Paulo, ainda está em negociações com o patrão da F1, Bernie Ecclestone.

Ao todo, a temporada de 2017 terá 20 corridas, menos uma do que em 2016, devido à saída da prova de Nürburgring, na Alemanha.

A informação mais vista

+ Em Foco

É uma tragédia sem precedentes que vai marcar para sempre o país. O incêndio de Pedrógão Grande fez 64 mortos mais de duas centenas de feridos. Há dezenas de deslocados.

Nodeirinho é a aldeia mártir do incêndio de Pedrógão Grande. É uma aldeia em ruínas, repleta de casas queimadas e telhados no chão. Um cenário de desolação e dor.

Constança Urbano de Sousa garante que enquanto tiver confiança do primeiro-ministro não vai sair do Executivo.

Jorge Paiva, botânico e professor, um dos maiores peritos da floresta, critica em entrevista à Antena 1 o desinteresse generalizado dos políticos pelos problemas da floresta.