Bispo Emérito de Angra faleceu em Ponta Delgada aos 92 anos

| País

O Bispo Emérito de Angra do Heroísmo, D. Aurélio Granada Escudeiro, faleceu sábado na Casa Sacerdotal de Ponta Delgada, em S. Miguel, nos Açores, alguns dias depois de ter estado internado numa clínica para recuperar de uma pneumonia.

O padre Duarte Melo, pároco de S. José, disse hoje à Lusa que as cerimónias fúnebres de D. Aurélio Granada Escudeiro vão decorrer terça-feira na Igreja Matriz de S. José, em Ponta Delgada, estando prevista uma missa de corpo presente às 11:00 (12:00 em Lisboa).

"O corpo de D. Aurélio Granada Escudeiro estará em câmara ardente na igreja paroquial a partir das 09:00 de terça-feira", acrescentou, salientando que as cerimónias vão decorrer na igreja matriz "por vontade expressa do bispo emérito".

D. Aurélio Granada Escudeiro nasceu em Alcains, Castelo Branco, a 29 de Maio de 1920, tendo exercido funções na diocese açoriana entre 1974 e 1996, onde foi o 37.º Bispo de Angra, cargo exercido por D. António de Sousa Braga desde 30 de junho de 1996.

O bispado de D. Aurélio, entre outros motivos, ficou marcado pela criação do Secretariado Regional para a Pastoral das Migrações e da Comissão Diocesana para a Comunicação Social, mas também pela visita do Papa João Paulo II aos Açores, em Abril de 1991.

D. Aurélio Granada Escudeiro foi um grande impulsionador do culto ao Senhor Santo Cristo dos Milagres, tendo para o efeito convidado para presidir às festas micaelenses bispos e cardeais de diversas partes do mundo, além de ter mandado preparar a introdução do processo de beatificação da Veneranda Madre Teresa d`Anunciada.

O bispo acompanhou também todo o processo da reconstrução na sequência do sismo de 1 de Janeiro de 1980 que atingiu as ilhas Terceira, Graciosa e S. Jorge e obrigou a um enorme esforço de recuperação das igrejas e outros bens eclesiásticos.

Os restos mortais de D. Aurélio Granada Escudeiro vão ficar sepultados num jazigo na ilha Terceira.

 

Tópicos:

Cristo, Matriz S, Pastoral, Ponta Delgada Bispo Emérito Angra, Religião Bispo Emérito, Sacerdotal Ponta Delgada S,

A informação mais vista

+ Em Foco

A fronteira entre a Irlanda do Norte e a República da Irlanda continua a ser a maior dor de cabeça interna de Theresa May.

O ministro dos Negócios Estrangeiros considera, em entrevista à Antena 1, que Portugal tem a vantagem de não ter movimentos populistas organizados.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

      Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.