Cavaco Silva vai condecorar Lula da Silva com Ordem da Torre e Espada

| País

O Presidente da República, Cavaco Silva, vai condecorar o seu homólogo brasileiro com a Grã-Cruz da Ordem da Torre e Espada durante a visita que efectua a partir de quinta-feira ao Brasil, anunciou hoje fonte oficial.

Cavaco Silva, que estará no Brasil até domingo, efectua a visita a convite do Presidente Luiz Inácio Lula da Silva para se associar às comemorações brasileiras dos 200 anos da chegada da corte real portuguesa ao Rio de Janeiro.

Lula da Silva será condecorado com a Grã-Cruz com Colar da Ordem Militar da Torre e Espada, do Valor, Lealdade e Mérito, criada por D. João VI após a sua chegada ao Rio de Janeiro.

A Ordem da Torre e Espada serve para distinguir méritos excepcionalmente relevantes demonstrados no exercício das funções dos cargos supremos que exprimem a actividade dos órgãos de soberania, segundo o regulamento das ordens honoríficas portuguesas.

Na sequência da invasão de Portugal pelas tropas de Napoleão em 1807, o príncipe regente D. João - mais tarde rei D. João VI, o Clemente - mudou-se para a então colónia do Brasil, numa operação inédita que movimentou cerca de 15.000 pessoas transportadas numa frota de 36 navios, onde também foram embarcados os arquivos do governo e a biblioteca real.

Após uma passagem pela Baía, onde decretou a abertura dos portos brasileiros às nações amigas de Portugal, D. João desembarcou no Rio de Janeiro a 08 de Março de 1808.

Durante a visita, Cavaco Silva irá também condecorar a mulher do presidente brasileiro, Marisa Letícia Lula da Silva, com a Grã-Cruz da Ordem Militar de Cristo.

Serão ainda condecoradas 13 personalidades em reconhecimento pelo seu contributo para o reforço das relações entre Portugal e o Brasil, designadamente através da promoção e organização das comemorações alusivas ao Bicentenário da Chegada da Corte Portuguesa.

A lista inclui os governadores do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral de Oliveira Santos Filho, e da Baía, Jaques Wagner, e o prefeito do Rio de Janeiro, César Epitácio Maia, que receberão Grã-Cruz da Ordem do Infante D. Henrique.

Além de Maria Cavaco Silva, a comitiva oficial do Presidente da República inclui o ministro da Cultura, José Pinto Ribeiro, o secretário de Estado das Comunidades Portuguesas, António Braga, e o embaixador de Portugal em Brasília, Francisco Seixas da Costa.

Com Cavaco Silva viajará também uma comitiva cultural com personalidades ligadas às comemorações dos 200 anos da chegada da corte portuguesa e uma delegação da Assembleia da República consituída pelos deputados Alberto Martins (PS), Carlos Páscoa Gonçalves (PSD), Pedro Mota Soares (CDS/PP), Bruno Dias (PCP) e José Miguel Gonçalves (Os Verdes).


A informação mais vista

+ Em Foco

Várias organizações de defesa dos Direitos Humanos exigem uma investigação rigorosa.

A morte do advogado foi conhecida há dois anos, no Natal, mas existem vários indícios de que a possa ter simulado.

Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

    Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.