Discurso de Paulo Portas "sem surpresas", Aguiar-Branco

| País

O vice-presidente do PSD, Aguiar-Branco, afirmou hoje que o discurso de Paulo Portas no encerramento do XXIII Congresso do CDS/PP não trouxe surpresas e que algumas medidas apresentadas já tinham sido propostas pelos sociais-democratas.

"Não houve surpresas" (...) no discurso de Paulo Portas, "há o reconhecimento de que a alternativa ao Governo é o PSD", afirmou o vice-presidente do PSD após ter ouvido o discurso de Paulo Portas.

Aguiar-Branco disse que relativamente a algumas medidas apresentadas "o próprio PSD já as apresentou na discussão do Orçamento o que significa que a alternativa passa por aí (pelo PSD)".

Relativamente à possibilidade de coligações nos próximos actos eleitorais, José Pedro Aguiar-Branco disse que "o PSD sempre afirmou que em termos legislativos irá concorrer sozinho, tem a sua estratégia própria, e em termos de autárquicas haverá coligações onde sirvam melhor os interesses locais".

Em relação à Câmara de Lisboa, "a seu tempo será avaliada" qual a solução que irá ao encontro dos interesses da população de Lisboa, concluiu.

ZO.


A informação mais vista

+ Em Foco

Um estudo recente demonstra que pescar abaixo dos 600 metros de profundidade pode trazer graves problemas no ecossistema marinho.

    Milhares de migrantes procuram refúgio na Europa em fuga da guerra e da instabilidade no Médio Oriente e África.

      A rádio pública completou 80 anos. Assinalámos a data com cinco entrevistas e outras cinco reportagens.

        Tire uma fotografia, escreva um e-mail com nome, local e descrição e envie para ferias@rtp.pt.