Homem que matou mulher e filha em Soure condenado a 25 anos de prisão

| País

O tribunal de Soure condenou hoje a 25 anos de prisão o homem que, em outubro de 2014, matou a mulher e a filha de 16 anos e deixou outra filha, de 13 anos, gravemente ferida.

O homem, residente em Soure, distrito de Coimbra, confessara durante o julgamento, que começou no dia 07, que tinha matado a mulher e uma filha, com recurso a vários golpes de faca, na noite de 19 para 20 de outubro de 2014, tendo deixado a outra filha gravemente ferida.

Durante as alegações finais, o Ministério Público tinha pedido a pena máxima de 25 anos de prisão para o arguido, que estava acusado de dois crimes de homicídio qualificado na forma consumada e de um crime de homicídio qualificado na forma tentada.

Tópicos:

Soure,

A informação mais vista

+ Em Foco

Em 9 de abril de 1918, a ofensiva alemã varre a resistência portuguesa. O dossier que se segue lança um olhar sobre o antes, o durante e o depois.

    Quase seis décadas depois, a Presidência de Cuba deixou de estar nas mãos de um membro do clã Castro.

    Porto Santo tem em curso um projeto para se transformar na primeira ilha do planeta livre de combustíveis fósseis.

    Uma caricatura do mundo em que vivemos.