Jovens envolvidos em tragédia no Meco eram estudantes universitários

| País

Ainda não se sabe o que levou sete jovens à praia do Moinho de Baixo, no Meco, ao ínicio da madrugada, nem porque estavam tão perto da rebentação. Foram surpreendidos e arrastados por uma onda. Só um conseguiu na altura regressar à costa. Este jovem que deu o alerta, foi transportado para o Hospital Garcia de Orta, em Almada e já teve alta. Há informação de que os jovens eram estudantes universitários, alguns da Universidade Lusófona e teriam alugado uma casa, em Alfarim, no Meco. Uma equipa de psicólogos presta apoio aos familiares das vítimas. Força Aérea, Marinha, Proteção Civil e Bombeiros continuam à procura dos cinco desaparecidos, quatro raparigas e um rapaz.

A informação mais vista

+ Em Foco

Em entrevista à Antena 1, o secretário de Estado dos Transportes faz um balanço positivo da legislatura.

Em tempos a população do Curral das Freiras deu-lhe uso culinário por necessidade, mas agora é um pitéu.

O surfista italiano Niccolo Porcella foi quase “aniquilado” em Teahupoo, no Taiti. Sobreviveu.

Tire uma fotografia, escreva um e-mail com nome, local e descrição e envie para ferias@rtp.pt.