Jovens envolvidos em tragédia no Meco eram estudantes universitários

| País
Jovens envolvidos em tragédia no Meco eram estudantes universitários

A ver: Jovens envolvidos em tragédia no Meco eram estudantes universitários

Ainda não se sabe o que levou sete jovens à praia do Moinho de Baixo, no Meco, ao ínicio da madrugada, nem porque estavam tão perto da rebentação. Foram surpreendidos e arrastados por uma onda. Só um conseguiu na altura regressar à costa. Este jovem que deu o alerta, foi transportado para o Hospital Garcia de Orta, em Almada e já teve alta. Há informação de que os jovens eram estudantes universitários, alguns da Universidade Lusófona e teriam alugado uma casa, em Alfarim, no Meco. Uma equipa de psicólogos presta apoio aos familiares das vítimas. Força Aérea, Marinha, Proteção Civil e Bombeiros continuam à procura dos cinco desaparecidos, quatro raparigas e um rapaz.

A informação mais vista

+ Em Foco

Carvalho da Silva, sociólogo e antigo líder da CGTP, considera que as relações de força existentes em sede de concertação social são mais favoráveis para os patrões do que o Parlamento.

No aniversário da fundação Gulbenkian, a RTP foi visitar o museu e, em conjunto com os curadores, selecionou algumas das obras mais significativas que aí se encontram.

    A Fundação Gulbenkian celebra 60 anos. A Antena 1 dá a conhecer pessoas e projetos que marcam a instituição fundada em 1956 por Calouste Gulbenkian.

      Uma rubrica do site da RTP e do Jornal 2 dentro do contexto evocativo do centenário da Grande Guerra. Será emitida todas as segundas-feiras.