Politécnico de Bragança facilita pagamento de propinas a prestações

| País

O Instituto Politécnico de Bragança (IPB) anunciou hoje que os estudantes vão poder pagar pela primeira vez as propinas em prestações mensais para facilitar os encargos das famílias face à situação económica do país.

O Gabinete de Imagem e Apoio ao Estudante (GIAPE) divulgou que o IPB mantém o valor das propinas para o ano letivo 2013/2014, sublinhando que se trata da mais baixa no ensino superior nacional, e que permite o seu pagamento em prestações mensais.

De forma a facilitar os encargos das famílias com a formação de ensino superior dos filhos, o politécnico de Bragança "permitirá o pagamento da propina em dez prestações mensais", atendendo à "situação económica do país e da manutenção do salário Mínimo Nacional", lê-se numa nota enviada às redações.

A direção do instituto decidiu ainda "manter inalteráveis os valores das propinas" em todos os cursos que oferece e que correspondem a 380 euros para o Cursos de Especialização Tecnológica (CET), 755 para licenciaturas e 995 para mestrados.

"Os valores das propinas praticados no IPB são os menores de todo o sistema de ensino superior em Portugal", realçou o GIAPE, indicando que o pagamento em prestações inclui também o valor da taxa de matrícula, que é de 25 euros.

A decisão de manutenção do valor das propinas e do seu pagamento em dez prestações mensais "permitirá uma melhor gestão dos custos de estudar no IPB", sustentou aquela instituição com cerca de sete mil alunos e cinco escolas de ensino superior.

 

Tópicos:

Mínimo, Politécnico,

A informação mais vista

+ Em Foco

Um estudo recente demonstra que pescar abaixo dos 600 metros de profundidade pode trazer graves problemas no ecossistema marinho.

    Milhares de migrantes procuram refúgio na Europa em fuga da guerra e da instabilidade no Médio Oriente e África.

      A rádio pública completou 80 anos. Assinalámos a data com cinco entrevistas e outras cinco reportagens.

        Tire uma fotografia, escreva um e-mail com nome, local e descrição e envie para ferias@rtp.pt.