Sete novas orações sobre Fátima vão integrar projeto `online` "Passo-a-Rezar"

| País

O Santuário de Fátima anunciou hoje que sete novas orações em formato áudio sobre os pastorinhos e as aparições da Cova da Iria vão ser incorporadas nos conteúdos do projeto `online` de oração diária "Passo-a-Rezar".

"Trata-se de uma proposta de oração sobre Fátima, inserida também no Centenário das Aparições, construída a partir das memórias da Irmã Lúcia e de alguns textos bíblicos", refere o Santuário, em nota de imprensa enviada à agência Lusa.

Adianta que os textos das novas orações, desenvolvidas em parceria com o Apostolado de Oração (que promove o Passo-a-Rezar há mais de seis anos) são "centrados na espiritualidade dos pastorinhos" e da autoria de Ângela Coelho, Postuladora da Causa de Canonização dos beatos Francisco e Jacinta e vice-postuladora da causa de beatificação da Irmã Lúcia.

As vozes que guiam a oração são dos atores João Ricardo e Maria Helena Falé, colaboradores oficiais do Passo-a-Rezar, acrescenta o Santuário de Fátima.

Na mesma nota, lê-se que o Terço Oficial do Santuário de Fátima, concebido no âmbito das celebrações do Centenário das Aparições, vai ser apresentado na terça-feira.

"Trata-se de uma peça exclusiva, concebida pela firma Leitão & Irmão, antigos joalheiros da Coroa portuguesa, com a assessoria técnica do Santuário", refere o comunicado.

O terço é composto por contas azuis, dispostas sobre um fio de ouro e intercaladas por esferas douradas, "sendo a conta da salve-rainha assinalada com o monograma do Santuário de Fátima e com a preciosa coroa da Imagem de Nossa Senhora de Fátima".

"A medalha, por seu lado, mostra a escultura do Anjo, da Loca do Cabeço e a escultura da Virgem de Fátima, venerada na Capelinha das Aparições. A cruz, que remata o conjunto, evoca a Cruz Alta do recinto de oração do Santuário da Cova da Iria", ilustra.

Tópicos:

Anjo Loca, Apostolado, Capelinha, Centenário, Coroa, Rezar, Santuário,

A informação mais vista

+ Em Foco

Passaram sete anos desde o início das “Primaveras Árabes”. Regimes mudaram, guerras civis rebentaram, houve conflitos que alteraram dinâmicas regionais e vazios de poder que deram origem a Estados falhados.

Veja ou reveja a primeira entrevista de Rui Rio depois de ter sido eleito presidente do PSD.

Na hora da despedida da liderança social-democrata, as juventudes partidárias olham para o legado do ex-primeiro-ministro, com uma pergunta em mente: se Portugal não falhou, o que dizer de Pedro Passos Coelho?

    Uma caricatura do mundo em que vivemos.