Tribunal decreta prisão preventiva de suspeito de homicídio de sobrinho

| País

O Tribunal de Instrução Criminal (TIC) de Évora determinou hoje a prisão preventiva do homem de 80 anos suspeito de ter assassinado um sobrinho, alegadamente por desavenças entre ambos, revelou à Agência Lusa fonte policial.

A medida de coação mais grave foi aplicada pelo juiz de instrução criminal, depois do interrogatório realizado hoje no TIC de Évora, referiu a mesma fonte, indicando que o alegado homicida vai aguardar julgamento no Estabelecimento Prisional Regional de Beja.

O homem de 80 anos é suspeito de ter assassinado um sobrinho de 52 anos, no domingo à noite, no quintal de uma habitação, situada no Bairro de Santa Luzia, na periferia da cidade de Évora.

Fonte da polícia adiantou que o idoso terá disparado um tiro de caçadeira, tendo atingido a vítima na cabeça, na sequência de uma discussão relacionada com "a horta e as ferramentas" utilizadas por ambos.

A mesma fonte referiu que os dois homens "já tinham desavenças antigas".

Tópicos:

TIC,

A informação mais vista

+ Em Foco

O primeiro registo de imagem de uma posse presidencial na América é de março de 1857, quando James Buchanan se tornou o 15.º Presidente.

    Milhões de pessoas, por todo o mundo. No dia seguinte à tomada de posse multiplicaram-se as manifestações contra Donald Trump. Os protestos aconteceram em pelo menos 60 países.

      Amir Ashour é o primeiro iraquiano a dar a cara pelos direitos gay no seu país. Em segurança na Suécia, revela à RTP episódios de tortura e de rejeição.

        Nos 60 anos da Gulbenkian, a RTP deu uma volta pelo museu da fundação e continua a mostrar as obras mais significativas.