Costa desdramatiza sondagens e diz que muitos eleitores só decidem o voto na campanha

| Política

O secretário-geral do PS desdramatizou hoje as sondagens que indiciam equilíbrio com a maioria PSD/CDS, defendendo que muitos eleitores só decidem o voto em período de campanha e que os socialistas têm maior margem de progressão.

Esta posição foi assumida pelo líder socialista em entrevista à SIC, depois de confrontado com o facto de ter criticado no ano passado o anterior líder do partido, António José Seguro, por ficar satisfeito por vencer por pouca margem as eleições europeias.

"Acho que o PS tem feito ao longo destes meses aquilo que lhe compete fazer" e "continuo a pensar exatamente o mesmo: O país precisa que o PS vença as eleições e que vença com maioria - uma maioria absoluta, que é uma condição de estabilidade e de governabilidade", declarou o líder socialista.

Em relação às sondagens que traduzem um equilíbrio entre PS e maioria PSD/CDS, António Costa sustentou a seguinte tese: "Grande parte das pessoas determina o seu sentido de voto na fase final da campanha eleitoral. A mais recente sondagem [da Universidade Católica] apresenta um elevadíssimo número de indecisos (cerca de 26 por cento) e o conjunto da coligação de direita atingiu praticamente os seus mínimos históricos, enquanto o PS tem à sua esquerda cerca de 20 por cento do eleitorado, distribuídos entre vários partidos", disse.

O secretário-geral do PS sustentou depois que há uma clara rejeição da atual governação e uma avaliação positiva nas propostas do seu partido, estando-se perante "um caminho que se vai fazendo".

A informação mais vista

+ Em Foco

A Festa dos Tabuleiros regressa às ruas da cidade de Tomar. Um longo desfile em que 750 tabuleiros são transportados por mulheres.

    Os líderes europeus não chegaram a acordo sobre quem deve liderar a União nos próximos cinco anos.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

      Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.