Governo vai alterar incentivos à contratação

| Política
Governo vai alterar incentivos à contratação

A ver: Governo vai alterar incentivos à contratação

As empresas vão passar a contribuir para a segurança social, no caso de novas contratações, e o desconto para a TSU irá durar mais tempo.

Menos benefícios para quem emprega e mais regalias para quem trabalha.

Até aqui, contratar jovens ou desempregados mais velhos isentava as empresas da totalidade da contribuição para a segurança social, durante três anos.

Agora, a proposta do Governo reduz o valor para apenas 50 por cento, mas aumenta a duração do benefício para cinco anos

Já quanto aos estágios, o Governo não deixa de incentivá-los, mas as quer que sejam uma porta de entrada para a contratação efetiva. As empresas que integrarem estagiários nos quadros vão receber do instituto de emprego um prémio equivalente a dois salários desse trabalhador.

A informação mais vista

+ Em Foco

A RTP agrupa as sondagens disponíveis e traça as tendências do eleitorado para a derradeira votação da eleição presidencial francesa.

    Em entrevista à RTP, o embaixador francês aborda o terrorismo, os populismos, os emigrantes e o interesse em Portugal.

      A Associação Adeptos dos Sonhos canalizava 90% do dinheiro recolhido em ações de caridade para uma empresa do namorado da presidente.

      Em entrevista à RTP, o Bispo de Leiria-Fátima diz acreditar que o Papa, em Fátima, vai sentir-se como um "peregrino no meio dos peregrinos.