Governo vai alterar incentivos à contratação

| Política
Governo vai alterar incentivos à contratação

A ver: Governo vai alterar incentivos à contratação

As empresas vão passar a contribuir para a segurança social, no caso de novas contratações, e o desconto para a TSU irá durar mais tempo.

Menos benefícios para quem emprega e mais regalias para quem trabalha.

Até aqui, contratar jovens ou desempregados mais velhos isentava as empresas da totalidade da contribuição para a segurança social, durante três anos.

Agora, a proposta do Governo reduz o valor para apenas 50 por cento, mas aumenta a duração do benefício para cinco anos

Já quanto aos estágios, o Governo não deixa de incentivá-los, mas as quer que sejam uma porta de entrada para a contratação efetiva. As empresas que integrarem estagiários nos quadros vão receber do instituto de emprego um prémio equivalente a dois salários desse trabalhador.

A informação mais vista

+ Em Foco

Nas ruas das cidades angolanas, as caravanas cruzam-se em ambiente descontraído. O cenário repete-se em M'banza Congo.

Os responsáveis pelo parque prometeram valorizá-lo e vão renovar a frota automóvel e envolver operadores privados nas visitas aos núcleos de gravuras rupestres.

O maior banco francês fez soar os alarmes na Europa ao suspender três fundos de investimento relacionados com créditos nos Estados Unidos.

Natalidade, envelhecimento, turismo, agricultura, emigração, pobreza, saúde, desigualdades. A caminho das autárquicas a Antena 1 fixa o país em 20 retratos.