Marcelo quer vencimentos dos gestores cortados na Caixa como nos bancos privados

| Política
Marcelo quer vencimentos dos gestores cortados na Caixa como nos bancos privados

Foto: Lusa

O Presidente da República diz que o banco público devia fazer o mesmo que fizeram alguns bancos privados, ou seja, cortar o salário dos administradores.

Foi esta a mensagem de Marcelo Rebelo de Sousa no dia em que os salários dos gestores da Caixa Geral de Depósitos incendiaram a troca de argumentos no parlamento.

"Se há fundos públicos, não é possível nem desejável pagar o que se pagaria se fosse um banco privado sem fundos públicos", disse o chefe de Estado aos jornalistas em Braga.

Os salários dos administradores da Caixa Geral de Depósitos levaram o PSD a dizer que é inaceitável e vergonhoso o nível salarial dos administradores da Caixa e que é uma vergonha quando se fala de um banco que precisa de milhões de euros dos impostos dos portugueses.

Relacionados:

A informação mais vista

+ Em Foco

A Câmara Municipal de Lisboa está a colocar blocos de betão em passeios de zonas da capital portuguesa com grande fluxo de turistas.

A dois dias das eleições gerais em Angola a coligação CASA-CE, liderada por um dissidente da UNITA, encerrou a campanha eleitoral num grande comício com milhares de jovens em Luanda.

Morreu o ator norte-americano Jerry Lewis, um dos maiores nomes da comédia na Sétima Arte. Tinha 91 anos e morreu em casa em Las Vegas, nos Estados Unidos.

Natalidade, envelhecimento, turismo, agricultura, emigração, pobreza, saúde, desigualdades. A caminho das autárquicas a Antena 1 fixa o país em 20 retratos.