Passos estuda cenários de eleições antecipadas e governo de salvação nacional

| Política
Passos estuda cenários de eleições antecipadas e governo de salvação nacional

Foto: Thierry Roge/EPA

O primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, dramatiza o discurso e já fala na possibilidade de o país necessitar de um segundo resgate ou mesmo de o governo cair caso o Tribunal Constitucional chumbe algumas normas do Orçamento do Estado para 2013.

Conforme a Antena1 avançou na quarta-feira à tarde, Passos Coelho afirmou na reunião da comissão permanente do PSD que não tem margem de manobra para realizar mais cortes se houver uma decisão desfavorável do Tribunal Constitucional.

O semanário Sol desta quinta-feira conta que foram discutidas duas soluções para a queda do executivo, nomeadamente a formação de um governo de salvação nacional e a realização de eleições antecipadas.

(com Sandra Henriques)

Relacionados:

A informação mais vista

+ Em Foco

Na edição deste sábado do 360, na RTP3, o jornalista António Louçã, autor da grande reportagem "Alemanha: o reverso da medalha", resumiu o contexto económico e social no chamado motor da Europa, em véspera de ida às urnas.

A Alemanha vai a votos com uma economia próspera: muita exportação, muita construção, receitas fiscais abundantes, orçamentos públicos excedentários. O reverso da medalha é a degradação de condições sociais para uma parte significativa da população.

    Os portugueses escolhem os seus representantes locais a 1 de outubro. Acompanhe aqui a campanha, os debates e toda a informação sobre as eleições Autárquicas.

      Um ensaio do LNEC e do Instituto Superior Técnico, no âmbito do KnowRisk, evidencia a importância da tomada de medidas preventivas. Veja os vídeos e compare os dois casos.