Entrevista do "Soldado Milhões", lenda das trincheiras portuguesas em 1918

| Portugal na I Grande Guerra
Entrevista do Soldado Milhões, lenda das trincheiras portuguesas em 1918

A ver: Entrevista do "Soldado Milhões", lenda das trincheiras portuguesas em 1918

Aníbal Augusto Milhais, mais conhecido como "Soldado Milhões", recorda o momento da ofensiva alemã de La Lys, em 9 de Abril de 1918, quando as tropas alemãs surgiram repentinamente, com as suas linhas da frente a envergarem uniformes portugueses que tinham recuperado de prisioneiros portugueses. O "Soldado Milhões" estava adiantado em relação aos seus camaradas e, depois de perceber o engodo, ficou sozinho num abrigo com uma metralhadora, a fazer fogo sobre tropas alemãs.

Desse modo, Aníbal Milhais permitiu a retirada de soldados portugueses e ingleses para as linhas da retaguarda. Em entrevista de 1967 à RTP, recorda também como foi condecorado com a Torre e Espada pelo marechal Gomes da Costa.

A informação mais vista

+ Em Foco

Houve aldeias ceifadas e vidas destruídas. O medo viveu ao lado de histórias de heroísmo. Contamos as estórias que agora preenchem dezenas de aldeias esquecidas, muitas pintadas a cinza.

    O incêndio de Pedrógão Grande provocou a morte de 64 pessoas e deixou mais de 200 pessoas feridas. Revisitamos os últimos dias com fotografias e imagens aéreas captadas com recurso a um drone.

      É uma tragédia sem precedentes que vai marcar para sempre o país. O incêndio de Pedrógão Grande fez 64 mortos mais de duas centenas de feridos. Há dezenas de deslocados.

      Nodeirinho é a aldeia mártir do incêndio de Pedrógão Grande. É uma aldeia em ruínas, repleta de casas queimadas e telhados no chão. Um cenário de desolação e dor.