Visita Guiada (IV)

Casa-atelier de Vieira da Silva e de Arpad Szenes | 13 Jul, 2015 | Episódio 10

Partilhar este episódio
Posi�ao Corrente: minutos e segundos
Ir para o Minuto:
Play - Visita Guiada

Visita Guiada (IV)

Casa-atelier de Vieira da Silva e de Arpad Szenes | 13 Jul, 2015 | Epis�dio 10

O Jardim das Amoreiras, ao Rato, foi o local em Lisboa escolhido por Maria Helena Vieira da Silva para guardar as suas memórias e mostrar a sua pintura. Ali está fixada a sede da Fundação que leva o seu nome porque é ali mesmo ao lado que foi sempre a casa-atelier de Vieira da Silva e de Arpad Szenes, o seu marido. Marina Bairrão Ruivo, a diretora do museu Arpad Szenes Vieira da Silva, guia-nos pela vida e obra de Vieira da Silva e pela relação singular que a pintora tinha com Lisboa, a cidade que a viu nascer. Bruno Gaspar, o cronista de viagens, fala-nos da sua paixão precoce pelo trabalho de Vieira da Silva. Este é um programa que dá a conhecer o Património Cultural português. Património Cultural entendido num sentido alargado e privilegiando as várias regiões de Portugal continental e ilhas. Os mais relevantes edifícios e acervos da História de Portugal. Tratar-se-á, in loco, um objeto por emissão. Os convidados serão historiadores e outros especialistas nas matérias em questão. Sempre que possível, optar-se-á por dar voz e visibilidade à nova geração de investigadores, nomeadamente na área da História. Os destinos surpreendentes, a revelação de novos especialistas, o rigor da informação, a beleza das imagens e o picante da Pequena História por detrás da História são os trunfos que este programa se propõe jogar.