A Grande Ilusão

Detroit, de Kathryn Bigelow, It, de Andy Muschietti, e a rentrée da Cinemateca: ciclos O Cinema e a Cidade, 1917 no Ecrã, e homenagem a Luís Miguel Cintra. Termina-se com Jeanne Moreau a cantar Quand l'amour meurt.O cinema com Inês N. Lourenço. | 14 Set, 2017

Partilhar este episódio
Posição Corrente: minutos e segundos
Ir para o Minuto:
Play - A Grande Ilusão

A Grande Ilusão

Detroit, de Kathryn Bigelow, It, de Andy Muschietti, e a rentrée da Cinemateca: ciclos O Cinema e a Cidade, 1917 no Ecrã, e homenagem a Luís Miguel Cintra. Termina-se com Jeanne Moreau a cantar Quand l'amour meurt.O cinema com Inês N. Lourenço. | 14 Set, 2017

A Grande Ilusão destaca, todas as semanas, as estreias de cinema mais estimulantes, e os autores que, através da sua escrita visual, perpetuam a magia da 7ª Arte. Há também propostas de outras salas, muito em particular da Cinemateca Portuguesa, e sugestões de livros, DVDs ou bandas sonoras: a criação à volta do cinema.

O filme de Jean Renoir escolhido para intitular este espaço - esse filme que Orson Welles nomeou como aquele que guardaria numa arca para a posteridade - no reverso do seu contexto bélico, designa aqui a poesia do encontro com o grande ecrã.