Ouvir
Simultaneo com Antena 1
Em Direto
Simultaneo com Antena 1 Simultâneo Antena 1

Reunião de alto nível no quartel d`Amura, em Bissau

Soberania do estado guineense analisa assassínio do ex-chefe de informações militares

Samba Djaló

O Presidente Interino Raimundo Pereira, o chefe das Forças Armadas António Indjai e o presidente da Comissão Nacional Eleitoral Desejado Lima da Costa, estão reunidos na sede do Estado Maior das Forças Armadas, no forte d'Amura, em Bissau.  
 
Samba Djaló - ex-chefe das informações militares da Guiné-Bissau quando Zamora Induta foi chefe das Forças Armadas guineenses, foi assassinado a tiro em Bissau na noite de domingo.  
 
Samba Djaló foi preso em 1 de Abril de 2010 juntamente com Zamora Induta, numa intervenção militar que conduziu António Indjai à chefia militar, e fora acusado pelo irmão de Baciro Dabó do assassinato deste ex-candidato presidencial em 2009.  
 
Iáiá Dabó foi por sua vez morto numa troca de tiros durante a última sublevação militar na Guiné-Bissau, em finais de 2011, uma operação falhada que foi atribuída ao ex-chefe da armada guineense, Bubo Na Tchuto.  
 
A Guiné-Bissau realizou no domingo eleições presidenciais antecipadas, que decorreram com normalidade.

Oiça a reportagem do correspondente da RDP África - Califa Cassamá: