COVID-19

Grupo micaelense apresenta manifesto para apoiar economia da ilha (Vídeo)

50 pessoas apresentaram um manifesto a propor o levantamento das restrições em vigor e a apelar a um esforço conjunto de normalização da vida dos cidadãos.

Os signatários querem medidas mais localizadas e uma política mais flexível.

No documento enviado ao presidente do Governo Regional pedem uma alteração estratégica, tendo em conta a situação económica da ilha de São Miguel.

O manifesto propõe um conjunto de 8 medidas, com o objetivo de impulsionar a economia e garantir os direitos fundamentais expressos na constituição. Entre os quais a reabertura das aulas presenciais, a retoma de todas as atividades económicas e culturais e o restabelecimento do direito ao exercício físico.

RTP/Açores