Cultura

Papelarias e livrarias acusam perdas na venda de livros e manuais escolares (Vídeo)

A venda de livros caiu cerca de 40%, nos Açores, em 2020, face ao ano anterior.

© DR

Os sinais de abrandamento notaram-se, desde logo, no atraso do envio de remessas.
A crise nas editoras teve efeitos nas prateleiras.

Para os comerciantes que somam papelaria e livraria, há um duplo prejuízo ligado aos manuais escolares.

E os manuais gratuitos trouxeram prejuízos difíceis de recuperar.
O regime de empréstimo de manuais foi aprovado, nos Açores, em 2012.
Os revendedores dizem que é altura de adotar, na região, o mesmo modelo da república.

A resposta está na oferta de nicho para um público apreciador de literatura, filosofia e poesia.

RTP/Açores