Cultura

Portugal nunca foi eficaz a pedir contrapartidas pelas Lajes (Vídeo)

Ao contrário de Espanha, Portugal nunca soube reclamar contrapartidas, nomeadamente financeiras, pela presença americana nas Lajes.


É a opinião do Professor António José Telo que, esta noite, profere uma conferência em Angra do Heroismo para assinalar os 75 anos da chegada dos ingleses à Terceira, organizada pelo Instituto Histórico.

Formalmente, os Estados Unidos instalaram-se nas Lajes em 1946, mas sempre usaram a base durante a II guerra mais como escala de aviões de transporte a caminho do Mediterrâneo do que como ponto de partido para o combate aos submarinos da Alemanha.

Telejornal