Economia

Governo dá 35 euros a quem trouxer o teste feito

O Governo Regional vai publicar esta semana o despacho que implementa o "Voucher Destino Seguro Açores", que se traduz num incentivo financeiro à realização de testes de despiste ao covid-19 prévios ao embarque para o arquipélago.

Governo dá 35 euros a quem trouxer o teste feito


Numa nota enviada hoje às redações, o executivo regional dá conta da implementação do "Voucher Destino Seguro Açores", enquanto "incentivo financeiro à realização de testes de despiste ao SARS-CoV-2 prévios ao embarque para os Açores" e que é "utilizável exclusivamente na aquisição de bens ou serviços na região, em atividades do setor turístico".

"O início do período de adesão dos estabelecimentos à rede de aderentes, bem como da atribuição dos incentivos, será definido por despacho a publicar no decorrer desta semana", informa o Governo dos Açores, adiantando que esta medida contempla "um investimento de 1,2 milhões de euros".

A medida foi aprovada em Conselho do Governo, reunido em Ponta Delgada, na ilha de São Miguel, em 09 de outubro.

A nota explica que podem beneficiar do "Voucher Destino Seguro Açores" todos os passageiros que desembarquem nas ilhas de Santa Maria, São Miguel, Terceira, Pico e Faial provenientes de aeroportos localizados em zonas consideradas pela Organização Mundial de Saúde como sendo zonas de transmissão comunitária ativa ou com cadeias de transmissão ativas do vírus SARS-CoV-2, que apresentem teste de despiste negativo prévio ao embarque para a região e que preencham o Questionário de Avaliação do Risco e Deteção Precoce na ferramenta My Safe Azores, disponível em https://mysafeazores.com/.

Na prática, o "Voucher Destino Seguro Açores" traduz-se num incentivo financeiro de 35 euros, válido por dois meses e utilizável exclusivamente na aquisição de bens ou serviços na região, em estabelecimentos da rede de aderentes que desenvolvam a sua atividade no âmbito do setor do turismo.

Para usufruir deste incentivo, no ato de preenchimento do Questionário de Avaliação do Risco e Deteção Precoce na ferramenta My Safe Azores, o passageiro seleciona a opção beneficiar do "Voucher Destino Seguro Açores" e após validação do teste negativo pela Autoridade de Saúde Regional, o voucher é remetido para o endereço de correio eletrónico constante do referido questionário.

Os passageiros do território continental que pretendam viajar para os Açores podem realizar testes de despiste ao coronavírus SARS-CoV-2 antes da viagem para a região.

O Governo dos Açores alargou ao continente, desde 01 de Julho, a rede de laboratórios de análises de despiste da covid-19, através de convenções com laboratórios privados e do setor social, para agilizar também os procedimentos para quem pretende viajar para a região.

Estes laboratórios ficam obrigadas a realizar o teste no prazo de 72 horas antes da viagem e que o resultado é remetido ao passageiro e à Direção-Regional da Saúde antes do voo.

Lusa