Economia

Plano Turístico dos Açores estipula 15 500 camas até 2015


Foi hoje publicado em Diário da República o novo Plano de Ordenamento Turístico dos Açores, que estipula a existência de um máximo de 15 500 camas, até 2015.

Plano Turístico dos Açores estipula 15 500 camas até 2015

Hotel Marina Atlântico, Ponta Delgada


O documento normativo, elaborado pelo Governo açoriano, foi aprovado em Junho, pela Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores, apenas com os votos favoráveis do Partido Socialista, uma vez que o PSD votou contra e o CDS / PP abtsteve-se.

O Plano determina tectos máximos de crescimento hoteleiro em cada uma das nove ilhas, prevendo cargas turísticas máximas de 7 605 camas para a Ilha de São Miguel, 2 900 para a Terceira, 1 734 para o Faial e 1 060, no Pico.

Santa Maria é contemplada com com 660 camas, Flores com 578, São Jorge com 553, Graciosa 330 e o Corvo com 80.

Ao criar este instrumento de gestão,o Governo pretende garantir a afirmação de um sector turístico sustentável nas ilhas, que possibilite o desenvolvimento económico, a preservação do ambiente natural e humano, contribua para o ordenanento do território insular e para a atenuação das disparidades, entre os diversos espaços.

Carlos Tavares com Agência LUSA