Economia

Rotas de serviço público para Lisboa não estão em risco (Vídeo)

A SATA já entregou ao Governo Regional um estudo sobre os custos das rotas deficitárias entre o Continente e as ilhas de Santa Maria, Pico e Faial.



Este serviço público deve ser financiado pelo Estado, de acordo com a União Europeia.

Bruxelas impede que seja a companhia a suportar os prejuízos.

Numa entrevista ao Telejornal, da RTP-Açores, o Presidente do Conselho de Administração da SATA, explicou que as rotas não estão em risco.

Luís Rodrigues disse que a companhia vai concorrer ao serviço em abril, altura em que será lançado o concurso.

Os governos, regional e da República, terão de se entender sobre a compensação financeira a atribuir à empresa.

Telejornal