Graciosa Online

Alerta na reabertura! - SOM

"Se os emigrantes não vierem, será penalizador para as empresas"



Na Graciosa o calendário do desconfinamento só hoje virou a primeira página. 

Reabriram as lojas de pronto a vestir, calçado, ourivesarias, cabeleireiros e esteticistas, que estavam fechados há 2 meses. 

Era um regresso necessário para as empresas e clientes que neste primeiro dia cumpriram as regas de um novo normal, com máscara e distanciamento social.  

O movimento em Santa Cruz aumentou com a reabertura dos serviços públicos.  

Os 29 alunos do secundário que estão inscritos em exames nacionais também voltaram às aulas presenciais. 

Os restaurantes da Graciosa reabrem a 25 de maio, mas no setor do turismo ainda não há certezas. 

O presidente do Núcleo Empresarial da Graciosa, Carlos Brum, está preocupado com a situação dos emigrantes que eram muito importantes na altura do verão. 

Vai ser um verão atípico. A Câmara Municipal acaba também de cancelar a Feira Taurina e o Festival Ilha Branca, do mês de agosto.


Reportagem Antena 1:




Entrevista ao Presidente do Núcleo Empresarial: