Graciosa Online

Apoio à habitação

Governo melhora condições a 41 famílias da Graciosa

Apoio à habitação


O Governo dos Açores atribuiu hoje, através da Secretaria Regional da Solidariedade Social, apoios à recuperação de habitação degradada a 41 famílias das quatro freguesias da ilha Graciosa, num montante superior a 560 mil euros. 

Os apoios agora atribuídos, abrangendo um universo total de cerca de 120 pessoas, visam, segundo Andreia Cardoso, “garantir condições de segurança e salubridade às habitações”. 

“A habitação é uma das prioridades de intervenção nos Açores, sendo considerada um fator de estabilização e de inclusão social das famílias, bem como dinamizador do crescimento económico e social”, frisou a Secretária Regional, em Santa Cruz da Graciosa, na cerimónia de atribuição dos apoios. 

Andreia Cardoso, entre as políticas promovidas pelo Executivo Açoriano, destacou “a revisão do regime de apoio à recuperação de habitação degradada, fomentando ainda mais a reabilitação urbana com um regime mais justo para as famílias", medida que considerou ser "particularmente importante para a Graciosa, uma vez que tem sido este o tipo de apoio procurado por mais agregados familiares desta ilha”. 

“Sabemos bem que, para muitos, estes valores ainda são considerados uma despesa e um custo sem qualquer retorno, o que é profundamente injusto, em primeiro lugar, para os próprios beneficiários destes apoios públicos”, salientou Andreia Cardoso, reafirmando que, “para o Governo dos Açores, estes montantes não são um custo, mas sim um investimento”. 


Fonte: GaCS