Graciosa Online

Criar valor - VÍDEO

Inauguração do Matadouro da Graciosa abre um novo ciclo na fileira da carne




Tardou mas chegou. 

O novo matadouro da Graciosa, que custou 5,4 milhõees de euros, completa a rede regional de abate. 

Moderno e cumpridor das regras higieno-sanitárias, tem capacidade para abater 15 bovinos por hora. 

Representa mais postos de trabalho e valor para a ilha, porque evita a exportação de animais vivos.

O presidente do governo anunciou para breve o concurso da concessão da sala de desmancha a privados. Vasco Cordeiro lembrou também que decorre a certificação dos matadouros da região, de modo a colocar os produtos da carne noutros mercados. 

Apesar do importante investimento, o presidente do governo considera que não está tudo feito, desafiando todos os que trabalham neste sector a não se acomodarem. 

Vasco Cordeiro aproveitou para referir que os matadouros da região abateram 73 mil bovinos para consumo em 2018, aumentando 30% nos últimos 5 anos. Disse ainda que nos últimos 10 anos reduziram-se de 32 mil para 11 mil, os animais exportados vivos para fora da região.