Graciosa Online

Cumprindo a máxima - VÍDEO

Guadalupe criou mais oportunidades mas perdeu o jogo



O Sporting de Guadalupe não conseguiu materializar as várias oportunidades criadas na recepção ao Pêro Pinheiro. Os visitantes ganharam, por 2-0, marcando nos ultimos 10 minutos. 


A primeira vitória da época fora de casa na ronda anterior deu confiança aos graciosenses. 

Mas foi a equipa do Pêro Pinheiro que entrou melhor e criou o primeiro lance de ataque aos 11 minutos. Botas, de alcunha, usou a cabeça. 

A resposta estava no cruzamento de Guti que Zaneth recebeu já em desequilíbrio. Guti Almada ficou em boa posição para chegar ao golo aos 23 minutos mas não aproveitou. 

O Pêro Pinheiro respondeu de bola parada com um remate de Colaço mas Nuno Ribeiro negou o golo. A poucos minutos do intervalo Zaneth cruzou e Leo Vaz ficou a centímetros de inaugurar o marcador. 

Depois de dividas as oportunidades no primeiro tempo, Bruno Alvares lançou André Fontes na segunda parte e o Guadalupe surgiu mais ofensivo. Logo aos 48 minutos Leo Vaz viu o golo ser negado por Samiro. 

A equipa da casa dispôs também de dois cantos consecutivos sem conseguir materializar o ascendente que tinha nesta fase do jogo. Aos 65 minutos Zaneth disparou ao poste. Aos 75 Ibrahima também na aproveitou a oferta e permitiu que o guarda redes saísse a tempo de mudar o rumo do jogo. 

Quem não marca sofre. Foi assim num lance bem trabalhado do lado direito que o Pêro Pinheiro chegou ao golo. Botas inaugurou aos 81 minutos. 

O Guadalupe ainda festejou o empate mas Mário Melo ajeitou a bola com a mão. 

Os visitantes ampliaram aos 86 minutos. Honrado fez um golo fácil. 

O resultado é pesado para o Guadalupe que há muitos jogos não criava tantas oportunidades mas só ganha quem marca.