Graciosa Online

Ex-reclusos privilegiados

Governo demitiu o Delegado de Saúde de Ponta Delgada

Ex-reclusos privilegiados


Na sequência da situação verificada com dois ex-reclusos, que chegaram a Ponta Delgada provenientes de Lisboa e que foram autorizados pelo Delegado de Saúde de Ponta Delgada a deslocar-se ao concelho da Ribeira Grande, em incumprimento do confinamento obrigatório em unidade hoteleira a que tinham de estar sujeitos, a Secretária Regional da Saúde exonerou, com efeitos imediatos, o referido Delegado de Saúde, Eduardo Cunha Vaz. 

Para este cargo, e com efeitos a partir de hoje, foi nomeada Larisa Shogenova, médica assistente de Saúde Pública na Unidade de Saúde da Ilha de São de Miguel desde 2018. 

Recorde-se que a Autoridade de Saúde Regional já esclareceu que, relativamente a outros dois ex-reclusos que testaram positivo para COVID-19, estes saíram do Estabelecimento Prisional de Angra do Heroísmo e foram diretamente para o Aeroporto das Lajes para seguir para Ponta Delgada. 

Chegados ao Aeroporto de Ponta Delgada, foram diretamente para a unidade hoteleira designada, em viatura indicada para esse efeito, onde foram testados e permanecem, desde essa altura, em confinamento obrigatório. 

Este foi o único percurso efetuado por estes dois ex-reclusos desde o momento em que deixaram o Estabelecimento Prisional de Angra do Heroísmo até ao momento em que deram entrada na referida unidade hoteleira em Ponta Delgada. 



Fonte: GaCS