Graciosa Online

Perdido no Carapacho

Foi salvo o primeiro cagarro na ilha Graciosa

Perdido no Carapacho


No âmbito da campanha S.O.S. Cagarro 2017 foi salvo no passado domingo, dia 22 de outubro, o 1º jovem cagarro da ilha Graciosa. 

A ave marinha encontrava-se “perdida” no parque de campismo do Carapacho. 

Tendo-se verificado que a ave se encontrava bem, o jovem cagarro foi libertado junto à orla costeira na Freguesia de São Mateus. 

A campanha SOS Cagarro coincide com a saída dos cagarros juvenis dos ninhos para iniciarem a sua longa migração oceânica. Ao abandonarem os ninhos, os juvenis voam à noite, sendo afetados pelas luzes artificiais. 

Perante estes focos de poluição luminosa, as aves desorientam e caem nas estradas, casas, campo, ficando vulneráveis a atropelamentos e a outros perigos, que podem em alguns casos, causar a morte do cagarro. 

Na Ilha Graciosa, para salvamentos ou qualquer outro assunto relacionado com a presente campanha S.O.S. Cagarro poderão ser contatados os números 295403870/ 916056431/ 913398553, através do e-mail parque.natural.graciosa@azores.gov.pt, ou dirigindo-se ao Serviço de Ambiente da Graciosa, das 09h00 às 12h30 e das 13h30 às 16h30.