Graciosa Online

Questões da Luz

George Ortins confronta autarquia com projetos da Freguesia

Questões da Luz


Gerorge Ortins aproveitou a reunião pública da Câmara Municipal de Santa Cruz da Graciosa que teve lugar nesta quinta-feira, 22 de outubro, na Luz, para questionar o executivo camarário sobre os projetos em curso na Freguesia. 

O Presidente da Junta de Freguesia da Luz quis saber quando irão avançar as obras de melhoramento do acesso à Canada da Inês, Canada da Emília e Canada dos Amarelos, sendo esta uma reinvindicação antiga daquela Junta de Frequesia.

O autarca luzense perguntou também sobre o ponto da situação do projeto do Parque de Campismo do Carapacho, bem como se está prevista alguma intervenção na casa do Bairro Social Abaixo do Fragoso que se encontra desocupada. 

George Ortins ainda quis saber se a Câmara está disponivel para facultar à Junta de Freguesia da Luz, o equipamento necessário para a instalação de fibra óptica. 

Outra questão diz respeito à previsão para o pagamento à Junta de Freguesia do apoio adicional atribuído no âmbito da COVID-19. 

Por outo lado, o autarca da Luz também perguntou se a Câmara ainda pretende adquirir a antiga Casa dos Magistrados que está ao abandono e se, pelo menos, poderia limpar o espaço exterior do edificio. 



RESPOSTAS 


A Vice-presidente, Conceição Cordeiro, afirmou que é intenção do executivo executar obras de fundo na referida moradia do Bairro Abaixo do Fragoso. 

Quanto à Casa dos Magistrados, esclareceu que a Câmara Municipal não pode entrar em propriedade alheia sem autorização, acresentando que uma eventual aquisição da antiga Cas a dos Magistrados dependerá do seu valor.

O Presidente da Cãmara anunciou que em breve será marcada uma reunião com a equipa projetista, com vista à elaboração do anteprojeto para o Parque de Campismo do Carapacho.  

Manuel Avelar disse também que o apoio extraordinário no âmbito da Covid-19 será transferido para a Junta da Luz até ao final do corrente ano, lembrando que o subsidio anual foi antecipado.   

O edil graciosense admitiu ainda que a autarquia está disponivel para ceder o referido equipamento de fibra óptica para a sede da Junta, comprometendo-se, por outro lado, a iniciar deligências para a aquisição do alpendre com vista ao melhorando do acesso à Canada dos Amarelos.