Graciosa Online

Resíduos a céu aberto - VÍDEO

Conselho de Ilha alerta a Secretaria Regional da Energia e Ambiente



Inaugurado em junho de 2012, para resolver os problemas ambientais da Graciosa, o Centro de Resíduos tem um aspeto de lixeira a céu aberto.

No exterior do edifício, com sinais de degradação, o lixo amontoa-se, atraindo roedores. Os plásticos voam para a estrada onde o cheiro é nauseabundo. 

Os alertas chegaram já ao Conselho de Ilha que aprovou, por unanimidade, uma recomendação à tutela, no sentido de pressionar a empresa concessionária a resolver o problema. 

Os conselheiros estão preocupados com as implicações que esta situação pode trazer na renovação da classificação da Graciosa enquanto reserva da biosfera. E mais ainda com a saúde pública. 

A poucos metros vai nascer o parque empresarial que já tem uma carpintaria e uma queijaria e onde está a ser construído o novo matadouro.  

O Conselho de Ilha espera obter resultados com o alerta que enviou à Secretaria Regional da Energia, Ambiente e Turismo.